História

 

Como tudo começou.

Aqui vamos relatar sobre uma das mais importantes aparições de Nossa Senhora , Nosso Senhor Jesus Cristo, Anjos e santos de nosso tempo. É o Céu que se estabelece na pequena cidade de São José dos Pinhais - Pr.

                    Alceu Paz Martins Junior natural de Umuarama - Pr, nascido no dia 02 de junho de 1977 de família simples desde o ano 1988 começa a ter sinais da Virgem Maria Santíssima. No ano de 1995 ele começa a ter aparições de Anjos, aparições e locuções interiores de Nosso Senhor Jesus Cristo e de Nossa Senhora. Nesse ano Nosso Senhor Jesus Cristo convida ao seu vidente a ser missionário e também a viver da pobreza. Junior era instrutor de musculação e aeróbica e pretendia cursar a faculdade de fisioterapia, mas os planos de Deus eram outros para sua vida. Junior respondeu sim ao chamado de Nosso Senhor Jesus Cristo, mesmo ainda sem saber qual seria sua missão. Não sabia ele a grande missão que o céu havia reservado" >ser o vidente da Virgem Maria a Mãe de Jesus com o título da Rosa Mística". Deus sempre escolhe aqueles que são desprezíveis aos olhos do mundo para que sua insondável sabedoria habite ali, assim aconteceu com Junior que não era sábio, nem letrado nem formado em nenhuma faculdade.

          

No dia 09/07/96 Junior tem a primeira aparição de Nossa Senhora com o título da Rosa Mística. Conta-nos o vidente: Naquele momento pude entrar em um pedaço do céu, senti uma grande paz, pude ver a Mãe de Jesus e minha Mãe. Na sua aparição veio " toda de branco, tinha mais ou menos 1,60 m de altura, olhos azuis, a pele dela é aveludada como um pêssego, cabelo castanho escuro, trazia em seu peito três rosas cuja raiz vinha de seu coração. A cor das rosas era branca, vermelha e amarelo - dourado, era de beleza indescritível.  Nossa Senhora no início aparecia todos os dias ao seu confidente preparando assim para sua grande missão a de divulgar suas Lágrimas Maternais para toda a humanidade. As aparições depois passaram a ser todas as quartas - feiras e dias 09 de cada mês, podendo também se fosse da vontade de Deus ocorrerem manifestações de Nossa Senhora fora as datas marcadas .Também ocorrem manifestações de Nosso Senhor Jesus Cristo, São José Castíssimo esposo da virgem Maria, São Miguel Arcanjo, São Gabriel Arcanjo, São Rafael Arcanjo, Anjo da paz, e de Santos como São Francisco de Assis, Santa Teresinha do Menino Jesus, São Francisco Xavier, Santa Paulina do Coração Agonizante de Jesus, São Pio de Pietrelcina, Santa Josefina Bakhita . Também Junior tem o dom da profecia, visão, cura, libertação, ciência, discernimento dos espíritos, cura interior e outros carismas como o da evangelização através da música.

         

        Ir.Eduardo Ferreira nascido em Itajaí - SC, no dia 31 de julho de 1972. Sua vida começou a mudar a partir de do dia 06.01.1983. Quando encontrou uma pequena imagem de N.Sra Aparecida no quintal de casa.
No dia 12 de outubro de 1987, quatro dias depois da sua primeira comunhão, as 12hs e 35 minutos, Eduardo e sua irmãEliete de 7 anos, estavam rezando diante da imagem achada de N.Sra Aparecida, quando de repente uma pequena luz azul sai das mãos da imagem e ilumina todo o quarto. Algo de especial estava para acontecer com esse jovem de 15 anos. Na tarde do dia 12 de fevereiro de 1988, as 18 horas, em seu quarto, Eduardo vê pela primeira vez uma moça de traje branco, em sua cintura uma cinta azul.Em seu braço direito um lindo terço transparente que reluzia muito. Os cabelos da jovem eram pretos como a noite, seus olhos azuis, sua face resplandecia uma grande beleza.Eduardo conta que já tocou na Mãe de Jesus. Diz ele que Ela é real, e passa um calor. Nessa visão Eduardo pode observar que a Virgem Maria estava numa gruta e ao lado, havia muitas rosas, onde ele pode contar num número de 54 rosas.

Mais adiante Nossa Senhora lhe falou que o numero destas rosas seriam segredos revelados. Em frente aos pés da Virgem, havia um pequeno riacho onde uma serpente apareceu e quis pular na água, onde a Virgem Maria a pisou com um de seus pés. Nessa aparição Nossa Senhora pediu ao Eduardo que fosse a Taquari, e quando lá chega-se, Ela lhe daria um sinal da sua presença. No dia 24 de março de 1988, Nossa Senhora aparece para seis jovens em Taquari.  No dia 20 de fevereiro de 1998, Eduardo foi a Taquari. Lá chegando Nossa Senhora lhe apareceu e deu sinal no sol. A Segunda aparição de Nossa Senhora ao Eduardo foi em 18 de fevereiro de 1988. As aparições continuaram quase diariamente até 01 de janeiro de 1996, quando Ela lhe revelou que iria aparecer às quintas - feiras e um dia da semana sem data marcada.No dia 12 de fevereiro de 1997, Nossa Senhora marcou suas aparições para as quintas –feiras, dia 12 de cada mês e quando o céu necessita-se intervir com uma mensagem de alerta.As mensagens ditadas ao Eduardo passam de 8.000, fora as particulares. A pedido de Nossa Senhora, Eduardo deixou também sua atividade profissional de enfermeiro, para se dedicar inteiramente ao plano de salvação de Maria Santíssima.Foi neste hospital que Jesus lhe ditou a primeira mensagem em 23 de outubro de 1995. Desde 13 de maio de 1996, Eduardo tem recebido comunhões místicas do Arcanjo Miguél num total de 92 comunhões. Mais de 206 pessoas receberam pelas mãos do Eduardo a eucaristia. Em uma de suas aparições o Arcanjo trouxe a comunhão sangrando. Esse fenômeno foi registrado em máquina fotográfica. Eduardo também tem presenciado aparições de São José Castíssimo esposo da Virgem Maria, dos três Arcanjos: Miguel, Gabriel e Rafael, Anjo da Paz, São Vicente de Paula, São Sebastião, Santa Catarina Labouré, Santo Antônio, dos Bem - aventurados Francisco e Jacinta (pastorinhos de Fátima), Santa Rita de Cássia, São Pio de Pietrelcina e da Santa Paulina. Esta que desde 1989, vem se manifestando por sonhos e visões. Eduardo é místico, tem vários carismas: como da profecia, cura, sonhos, visões, bilocação, discernimento dos espíritos e outros.

Temos diante de nós dois grandes profetas do altíssimo, são eles pessoas simples e humildes. Deus nos envia uma chuva de bênçãos neste fim dos tempos. Junior e Eduardo também passaram momentos de perseguição, foram eles caluniados, desprezados e até ameaçados de morte devido terem as aparições de Nossa Senhora . Desde dezembro de 1996 até julho de 1997 passaram grandes sofrimentos. Foram sete meses de provações dormindo em bancos de praça, na praia, rodoviárias e albergues. Parentes e até mesmo supostos amigos planejaram sua morte. Todo esse sofrimento só por causa que viam Nossa Senhora. Calunias foram semeadas em suas famílias. Padres e religiosas tentaram denegrir a moral de Junior e Eduardo. Mas tudo isto estava no plano de Deus. Durante o tempo que estavam na rua Nossa Senhora lhes aparecia para lhes confortar e assegurar a vitória. Em 1997 os dois jovens se estabeleceram em São José dos Pinhais - Paraná. Foi nesta cidade que Nossa Senhora veio morar. É na chácara Arca da Aliança, local das aparições que Nossa Senhora quer atrair seus filhos para Deus.

Fonte: pe. Macedo - www.estigmasdecristo.zip.net

ESTIGMAS

Tudo começou quando Eduardo tinha 23 anos e ainda morava em Itajaí - SC. Desde o dia 02 de fevereiro de 1996, ele tem sentido as dores da Paixão de Jesus. No dia 02 de março de 1996, da mão esquerda exalouo um forte odor de sangue. As dores foram aumentando a cada dia. quando ele sente as dores nos pés e nas mãos, os movimentos desses membros paralisam, não podendo mover os dedos. A chaga do lado esquerdo do peito mede 5 cm e tem doido muito, ela tem sangrado bastante.

Desde 1996, pequenos sinais foram surgindo nos seus pé e nas mãos. Em 2002 as dores começaram a ser mais intensas e as marcas bem mais visíveis. em 2003 quando ele completou 31 anos as chagas começaram a se abrir mais e a sangrar também mais. Na quinta-feira Santa de 2004, a chaga da testa se abriu. Ele tem vivido a flagelação de quinta para sexta-feira e também nas datas comemorativas a Nossa Senhora. Em 21 de junho de 2004, Eduardo experimentou a Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo no caminho da Via-Sacra no Santuário de Nossa Senhora Rosa Mística em São José dos Pinhais local onde mora hoje. Na terceira estação ele chorou sangue e entrou em êxtase, só acordando na décima quarta estação. Os fiéis o carregaram até a ultima estação e contam que o seu peso chegou a quase 100 Kg. Um programa de TV registrou este fenômeno desde o começo. Os estigmas ja foram analisados num programa de TV.

O médico constatou um fenômeno de cicatrização nas marcas dos estigmas. Nenhuma artéria, nervo ou tecidos são danificados quando as chagas se abrem. Padres e até mesmo leigos, ja tiveram a graça de testemunhar o momento em que as chagas começam a se abrir e a sangrar. Fotos e filmagem dos momentos em que ele passa quando as chagas se abrem, nos mostram um pouco do sofrimento que Jesus passou em sua Paixão.

Quando Nosso Senhor marca seus estigmas na carne de seus servos, Ele tem a intenção de reproduzir neles os sinais sangrentos de sua Paixão.

 

Breve Resumo

  • * Posição oficial da Igreja: os eventos vêm sendo acompanhados pelo Bispo local.
  • * Mensagem principal: Nossa Senhora pede orações pelo Brasil e pelas famílias.
  • * Sinais e eventos: Sinais no sol e na lua. Lacrimação (sangue) da imagem de Rosa Mística, atualmente em peregrinação.
    Aroma de rosas no local durante as orações e aparições. Estigmatização do confidente.
  • * Devoção relacionada à aparição: Nossa Senhora Rosa Mística.

fonte: http://paginas.terra.com.br/arte/leiame/sjpinhais.html

Histórico do início da devoção a Nossa Senhora Rosa Mística

 

Em uma pequena cidade da Itália chamada Montichiari e no vilarejo chamado Fontanelle da mesma cidade, no ano de 1946, Nossa Senhora apareceu para uma enfermeira chamada Pierina Gilli, nascida no dia 03 de agosto de 1911 (e faleceu no dia 12 de janeiro de 1991).

Em 1944, Santa Maria Crucifixa Di Rosa, fundadora das Servas da Caridade, passou a aparecer para Pierina.

A primeira etapa das aparições de Nossa Senhora, foi na cidade de Montichiari no dia 23 para o dia 24 de novembro de 1946 e terminaram em 08 de dezembro de 1947.

Pierina permaneceu dezenove anos junto às irmãs do Lírio, de Bréscia, acolhida por caridade. Neste período sofreu a paixão de Nosso Senhor.

A segunda etapa das aparições, ainda foi em Bréscia, junto as Irmãs do Lírio, em 05 de abril de 1960.

A terceira etapa das aparições foi no vilarejo de Fontanelle no dia 14 de abril de 1966 e terminaram praticamente com a sua morte em janeiro de 1991.

Na primeira aparição, Nossa Senhora trazia cravada no peito enormes espadas. Juntamente com a Virgem Santíssima, apareceu Santa Maria Crucifixa que explicou para Pierina o significado das três espadas:

 

·        a 1a simboliza a ruína da vocação sacerdotal e religiosa;

·        a 2a simboliza a vida pecaminosa que muitos sacerdotes levam;

·        a 3a simboliza a traição de Judas e o ódio contra a Igreja e dos sacerdotes que se tornam indignos de exercer seu ministério.

 

Enquanto Santa Maria Crucifixa falava, a linda Senhora aproximou – se de mim, diz Pierina, então pude enxergar duas espessas lágrimas que corriam de seus olhos e percebi a sua doce voz que dizia:

“Oração, sacrifício e penitencia”.

Na aparição seguinte dia 13 de julho de 1947, Nossa Senhora aparece com três lindíssimas rosas no lugar das espadas, de cor branca, vermelha e amarela dourada, que significam :

 

·        Rosa branca indica o espírito de oração;

·        Rosa vermelha indica o espírito de sacrifício e de abnegação;

·        Rosa amarela dourada indica o espírito de penitencia.

 

Em seguida, tomando a palavra com um tom de voz de autoridade, que nos transmita uma ordem recebida de Deus, disse:

“Nosso Senhor envia – me para levar uma nova devoção Mariana em todos os institutos e congregações religiosas, masculinas e femininas, também os sacerdotes seculares. Prometo a todos os institutos ou congregações que me honrarem que serão por mim protegidos, terão uma maior florescência de devoções e menos vocações traídas, menos pessoas que ofendem ao Senhor como pecado mortal e grande santidade entre os ministros de Deus”.

 

São varias as mensagens neste primeiro período das aparições, porém não são reconhecidas e durante 13 anos cessam as aparições, retornando somente no dia 05 de abril de 1960.

No dia 14 de abril de 1966 no vilarejo de Fontanelle, Nossa Senhora diz : “Meu Divino Filho Jesus Cristo, envia – me mais uma vez sobre a terra de Montichiari, a fim de levar muitas graças para toda humanidade. A fonte tornar – se – á milagrosa. A partir deste domingo dia 17 de abril de 1966, os doentes devem ser levados até esta fonte e você deverá, em primeiro lugar, oferecer esta água para que bebam e em seguida lavar as suas chagas. De agora em diante, essa será sua nova missão de ação e de apóstola, não mais escondida e nem mais afastada da comunidade”.

Desde então, Nossa Senhora apareceu muitas vezes fazendo grandes apelos.

No dia 23 de novembro de 1975, Nossa Senhora fala sobre as imagens bentas em Fontanelle e que será remetidas a todo o mundo, Ela diz:

“Onde quer que me detenho diante dessas imagens, levo comigo as graças divinas e o amor que Eu revelei em Montichiari”.

 

Copyright © 2008 Nossa Senhora rosa mistica. Todos os direitos reservados